quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Palavreado




passo
no compasso

em cada passo

passional



passo de passagem

na viagem

tenho so versos perdidos

na bagagem



passo fundo

por onde nenhum outro percorreu

caminho longe

onde verso se escondeu



passo

e paro

e penso

por onde vou parar?

entao ando

para a proxima trilha

do palavreado pessoal

Um comentário:

luiz scalercio disse...

cara faz tempo que eu não entrava
no seu blog.
passa tempo e sempre
bellissimo poemas.