quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Passatempo em Boaventura




Uma folha sobrevoa
E pousa
No domingo a tarde

Triste assobio
É capaz de acordar
O mais inóspito coração (?)

Pirilampo de Abril
Zumbe e clareia
Naquela momentânea solidão

3 comentários:

Jenny Paulla disse...

Pirilampo!=)
q lindoooooooooo....
ai,essa solidão não é só sua,meu amigo...é d todos q têm a consciência que existem e têm essa ignóbil incubência de aguentar-se! ... mas a solidão pode nos trazer um autoconhecimento.algo q, só estando sozinhos,compreendemos.
=P

Queen.of.Nowhere disse...

Uma pedra sobre o mar
Uma pedra sobre a pedra de existir

luiz scalercio disse...

cara bellissimo blog
vc merece .
cara vc tem o dom
de escrever as coisas sertas
prbns.